Translate Welcome

SE ALGUÉM FALAR, FALE SEGUNDO AS PALAVRAS DE DEUS; SE ALGUÉM ADMINISTRAR, ADMINISTRE SEGUNDO O PODER QUE DEUS DÁ, PARA QUE EM TUDO DEUS SEJA GLORIFICADO POR JESUS CRISTO, A QUEM PERTENCE A GLÓRIA E O PODER PARA TODO O SEMPRE. AMÉM. 1 Pe 4.11

A PAZ DO SENHOR JESUS CRISTO

Arquivo do blog

quarta-feira, 12 de maio de 2010

DIVORCIADO PODE SER ORDENADO PASTOR?

HOMENS DIVORCIADOS PODEM SER ORDENADOS PASTORES ?


Seminarista Miguel Ângelo L. Maciel
CETEBRAM


Convém, pois, que o bispo seja irrepreensível, marido de uma mulher, vigilante, sóbrio, honesto, hospitaleiro, apto para ensinar; - I Tim. 3:2 (ACF)


0.  Objetivo

Avaliar Biblicamente se homens divorciados, mesmo que o casamento e o divórcio tenham ocorrido antes de se converterem, podem ou não assumir o cargo de pastor, ou mesmo algum cargo, na igreja.


1. Histórico da questão
É compreensível que alguém que tenha passado tanto tempo em uma seita tenha a tendência de tornar-se um apologeta. Pode ser considerado normal também, ao analisar-se uma questão tal como esta, que se faça uma avaliação do histórico de seu surgimento, da mesma forma que analisamos o fundamento sobre o qual foi construída qualquer seita que estejamos estudando, a priori, antes de tratarmos da questão em si.

Todo aquele, pois, que escuta estas minhas palavras, e as pratica, assemelhá-lo-ei ao homem prudente, que edificou a sua casa sobre a rocha; - Mt 7:24 (ACF)

Tal procedimento nos concede uma visão mais detalhada da própria questão. As razões geralmente definem a tendência da mesma, o objetivo dos seguidores e a linha de pensamento dos que a defendem e a apóiam.

Há alguns anos tenho ouvido falar sobre um professo irmão que  adentrou as fileiras de um seminário batista regular em Manaus, após sua conversão. Aplico aqui a tratar do assunto depois de ter muito sondado a respeito dos fatos ocorridos.

Não neófito, para que, ensoberbecendo-se, não caia na condenação do diabo. - 1 Tm 3:6 (ACF)

Sem mencionar sua situação pessoal de homem divorciado e recasado, o mesmo ludibriou (entenda-se aqui, pecou por omissão)  e "driblou"  os professores e diretor do curso, pois tal condição já o excluiria de ser aceito pelo seminário, antes mesmo de iniciar o curso. Assim fazendo, iniciou o curso sem ser notado e sem maiores problemas. Seu plano foi posto em prática.

Porque os guias deste povo são enganadores, e os que por eles são guiados são destruídos. - Is 9:16 (ACF)

Quando se descobriu o caso, o mesmo foi levado a questionamento diante do seminário, sendo que o mesmo posicionou-se da seguinte forma:

a.        Não nutria o desejo de ser um pastor ordenado nem de assumir o ministério de qualquer igreja;
b.        Estava no seminário apenas para aprofundar seus conhecimentos bíblicos;
c.        Não iria insurgir em posição contrária à Bíblia;
d.        Não intentava causar divisão no seio da igreja.

Tal foi sua firmeza no momento de tais declarações que por segunda vez, não tenho nenhuma restrição em afirmar, o mesmo conseguiu ludibriar (aqui se entenda mentir descaradamente) a seus tutores e conseguiu concluir o curso. Ao plano se dava continuidade.

Mas os homens maus e enganadores irão de mal para pior, enganando e sendo enganados. - 2 Tm 3:13 (ACF)

Não deveria ocorrer, mas foi tal a surpresa quando o mesmo iniciou pregações em igrejas defendendo uma posição "bíblica" que homens divorciados podem ser pastores, eu logo causou alvoroço e pesar. Mentiria pois um irmão ?

E ele lhe disse: Também eu sou profeta como tu, e um anjo me falou por ordem do Senhor, dizendo: Faze-o voltar contigo à tua casa, para que coma pão e beba água (porém mentiu-lhe). - 1 Rs 13:18 (ACF)  - Obs.: Leia 1 Reis 13 e atente para o desfecho da história. Veja o que pode causar uma mentira.
               
Foi tal seu trabalho que conseguiu arrebanhar até mesmo alguns pastores e irmãos mais antigos para apoiarem sua posição, causando dissensão e divisão no meio batista regular devido à questão e ao envolvimento pessoal que possuía com certas pessoas.

Tal posição então vem sido ferozmente defendida por seus "seguidores" e simpatizantes de tal forma que todo aquele que não faz parte de suas fileiras é tido como anti-bíblico, fariseu e legalista, imputando novamente um pecado já por Cristo perdoado a um homem consagrado por Deus. Estava fundada a Igreja Batista Desregular do Pastor Divorciado dos Últimos Dias.

Porque há muitos desordenados, faladores, vãos e enganadores...- Tt 1:10 (ACF)

Ora a questão aqui não é se o pecado trás ou não conseqüências, pois isso é uma verdade auto-evidente. Pecado trás conseqüências tanto a crentes como a incrédulos. A questão é se a posição defendida por tais irmãos e pelo líder e mentor espiritual do movimento em prol de pastores divorciados, são ou não contrárias às Sagradas Escrituras.

E é sobre esse aspecto que pretendemos nos debruçar. Vamos procurar tratar neste compêndio de ambas as questões com diligência.

Mas é evidente que tal pessoa que tal discussão iniciou é, sem sombra de dúvidas, movido unicamente por desejo próprio de auto-afirmação e não pela Palavra de Deus, o que de imediato já encerraria nossa questão. Pois as Escrituras nos advertem:


MAS o Espírito expressamente diz que nos últimos tempos apostatarão alguns da fé, dando ouvidos a espíritos enganadores, e a doutrinas de demônios; Pela hipocrisia de homens que falam mentiras, tendo cauterizada a sua própria consciência;  - 1 Tt 4:1, 2 (ACF)


Mas vamos à Bíblia, recorramos à Palavra de Deus e respondamos às questões.


2. Os Argumentos dos defensores da Igreja Batista Desregular dos Pastores Divorciados dos Últimos Dias
Vamos tratar apenas de dois argumentos, os quais acreditamos serem suficientes para tratar da questão.

2.1  Primeiro argumento: Re-imputação de pecado perdoado

Como já comentado acima, os seguidores do professo irmão dissidente afirmam que, impedi-lo de assumir o ministério seria o mesmo que lhe re-imputar um pecado já perdoado.  Aqui a questão refere-se às conseqüências do pecado e não ao perdão em si.

A forma como a questão deve ser tratada nada tem a ver com o fato de tal pessoa ter sido ou não perdoada, mas em termos de tal pessoa enfrentar ou não as consequências de seus atos pregressos, quando ainda era um descrente.

Crentes e incrédulos deverão enfrentar as consequências de seus atos, e nisto reconhecemos a Soberania de Deus. Pecado trás consequêcias. Poderia mencionar casos tais como Jacó, Moisés, David, Salomão, Sansão – todos cometeram pecado e amargaram as conseqüências de seus atos. Mas todos eram crentes, poderiam afirmar.

Mas e quanto aos incrédulos? Quando ocorre a salvação as conseqüências do pecado devem ser obrigatoriamente retiradas por Deus ? Isso não é de forma nenhuma defendido na Bíblia (exceção aos apóstatas que defendem a teologia da prosperidade).

Temos exemplos bíblicos para tal ? A resposta é sim. Vou utilizar o exemplo mais extremo, e quem quiser questionar o faça diretamente ao SENHOR e não a mim.

E foram crucificados com ele dois salteadores, um à direita, e outro à esquerda. - Mt 27:38 (ACF)

O homem crucificado ao lado de Cristo, que o reconheceu como o Filho de Deus, morreu da mesma forma que morreria caso não tivesse crido em Jesus.

E um dos malfeitores que estavam pendurados blasfemava dele, dizendo: Se tu és o Cristo, salva-te a ti mesmo, e a nós. Respondendo, porém, o outro, repreendia-o, dizendo: Tu nem ainda temes a Deus, estando na mesma condenação? E nós, na verdade, com justiça, porque recebemos o que os nossos feitos mereciam; mas este nenhum mal fez. E disse a Jesus: Senhor, lembra-te de mim, quando entrares no teu reino. - Lc 23:42 (ACF)

Morreu de forma semelhante ao seu companheiro incrédulo. Deus não o retirou da cruz por ele ter-se convertido. Jesus não disse a ele que não morreria, não o livrou das conseqüências de seus atos. Mas o mesmo foi salvo, disso não temos dúvida.

E disse-lhe Jesus: Em verdade te digo que hoje estarás comigo no Paraíso. - Lc 23:43 (ACF)

Seria por acaso obrigação de Deus curar alguma pessoa que se convertesse e estivesse com câncer, ou com aids, ou em estado terminal? De maneira nenhuma, embora Ele o possa fazer. Deus salvaria tal alma mas não obrigatoriamente o livraria das conseqüências do uso de drogas, cigarro, bebida, sexo desenfreado, condenação pela justiça humana por assassinato ou outro crime, dentre outros, cometidos quando ainda era um perdido.

As conseqüências levam ao mesmo fim (físico) que ocorreria caso a pessoa não tivesse se arrependido e recebido o perdão que o levou ao novo nascimento (espiritual). Portanto um homem que é divorciado e recasou-se, continuará sendo divorciado e recasado, mesmo depois de sua conversão. Esta conseqüência física de maneira nenhuma o impedirá de receber a salvação espiritual. Contudo o mesmo enfrentará as conseqüências de sua vida pregressa e não poderá assumir compromissos diante da membresia da igreja.

Convém, pois, que o bispo seja irrepreensível, marido de uma mulher, vigilante, sóbrio, honesto, hospitaleiro, apto para ensinar; - 1Tm 3:2 (ACF)

Aquele que for irrepreensível, marido de uma mulher, que tenha filhos fiéis, que não possam ser acusados de dissolução nem são desobedientes. - Tt 1:6 (ACF)


2.2  Segundo argumento: Casamento só acontece em santidade por ser uma união sagrada
Deixe-me traduzir a afirmação acima para que ela seja entendida. Os defensores do "pastor" divorciado, afirmam que ele não pode ser considerado casado por que quando ele casou era incrédulo. Portanto, casamento de verdade mesmo só acontece entre crentes. Alguns até chegam a perguntar: e se ele tivesse casado em um terreiro de macumba ? Ele seria um macumbeiro casado. Macumbeiro, mas casado.

Ora, a afirmação por si só demonstra a forma tendenciosa como é tratada a questão e o desespero dos adeptos da igreja batista do pastor divorciado dos últimos dias.

Primeiro por que contraria a primeira premissa por eles defendida. Se antes eles concordam que o "pastor" divorciado era realmente casado, como agora negam-se a aceitar o que antes confirmaram?

Em segundo lugar por que tal afirmação contraria as Sagradas Escrituras. Mas verifiquemos na Bíblia.

- O casamento foi criado no céu antes da queda.

E da costela que o Senhor Deus tomou do homem, formou uma mulher, e trouxe-a a Adão. E disse Adão: Esta é agora osso dos meus ossos, e carne da minha carne; esta será chamada mulher, porquanto do homem foi tomada. Portanto deixará o homem o seu pai e a sua mãe, e apegar-se-á à sua mulher, e serão ambos uma carne. – Gn 2:22-24 (ACF)

- Depois do pecado a condição de casado não mudou, entre  Adão e Eva.

E chamou Adão o nome de sua mulher Eva; porquanto era a mãe de todos os viventes. – Gn 3:20 (ACF)

- A lei de Moisés foi dada no Sinai, muito tempo depois, e só então Deus menciona que os filhos de Israel não deveriam cometer adultério.

Não adulterarás. - Ex 20:14 (ACF)

- Porém, entre a queda e o monte Sinai podemos ver diversas vezes o casamento e a pureza do mesmo sendo defendida, mesmo sem a presença da Lei Mosaica. Ou seja, a ordem partiu de Deus no Éden. Foi dada diretamente por Ele. Por várias vezes vemos a palavra família antes do sinai. Noé constituiu família. Esaú casou mesmo desprezando a Deus e à sua promessa. Até o próprio Caim casou e constituiu família.

(Obs.: A questão é diferente por exemplo, quando se trata do shabath, pois Deus santificou o sétimo dia em Sua mente, mas não ordenou nada ao homem em relação ao dia de descanso aos filhos de Israel, a não ser no Sinai.)

E CONHECEU Adão a Eva, sua mulher, e ela concebeu e deu à luz a Caim, e disse: Alcancei do Senhor um homem. - Gn 4:1 (ACF)

E no mesmo dia entraram na arca Noé, seus filhos Sem, Cão e Jafé, sua mulher e as mulheres de seus filhos. - Gn 7:13

Ver também: Gn 4:17, 25; 7:13; 9:1,7; 10:20, 32; 11:29, 30; 12:5.  

- Mas com relação ao casamento, Deus mesmo, em Pessoa, realizou ali no Éden o primeiro casamento. Não houve pastor ou ministro para realizar o casamento, pois a cerimônia foi realizada diretamente pelo Senhor.

E disse o Senhor Deus: Não é bom que o homem esteja só; far-lhe-ei uma ajudadora idônea para ele. – Gn 2:18

- José fugiu de uma mulher casada. Potifar e sua esposa não eram crentes, o que não deu nenhuma margem para José argumentar que poderia adulterar com ela (lembrem-se que não existia a lei mosaica ainda) por ela não ter casado nas tendas de Israel.

E aconteceu depois destas coisas que a mulher do seu senhor pôs os seus olhos em José, e disse: Deita-te comigo. Porém ele recusou, e disse à mulher do seu senhor: Eis que o meu senhor não sabe do que há em casa comigo, e entregou em minha mão tudo o que tem; Ninguém há maior do que eu nesta casa, e nenhuma coisa me vedou, senão a ti, porquanto tu és sua mulher; como pois faria eu tamanha maldade, e pecaria contra Deus? - Gn 39:7 a 9.

- Abraão e Sara causaram dores a Abimeleque pois eram casados e o Faraó reconheceu isso mesmo não sendo Israelista e não fazendo parte da promessa.

E havendo Abraão dito de Sara, sua mulher: É minha irmã; enviou Abimeleque, rei de Gerar, e tomou a Sara. Deus, porém, veio a Abimeleque em sonhos de noite, e disse-lhe: Eis que morto serás por causa da mulher que tomaste; porque ela tem marido. Mas Abimeleque ainda não se tinha chegado a ela; por isso disse: Senhor, matarás também uma nação justa? Não me disse ele mesmo: É minha irmã? E ela também disse: É meu irmão. Em sinceridade do coração e em pureza das minhas mãos tenho feito isto. E disse-lhe Deus em sonhos: Bem sei eu que na sinceridade do teu coração fizeste isto; e também eu te tenho impedido de pecar contra mim; por isso não te permiti tocá-la. Agora, pois, restitui a mulher ao seu marido, porque profeta é, e rogará por ti, para que vivas; porém se não lha restituíres, sabe que certamente morrerás, tu e tudo o que é teu. E levantou-se Abimeleque pela manhã de madrugada, chamou a todos os seus servos, e falou todas estas palavras em seus ouvidos; e temeram muito aqueles homens. Então chamou Abimeleque a Abraão e disse-lhe: Que nos fizeste? E em que pequei contra ti, para trazeres sobre o meu reino tamanho pecado? Tu me fizeste aquilo que não deverias ter feito. Disse mais Abimeleque a Abraão: Que tens visto, para fazer tal coisa? E disse Abraão: Porque eu dizia comigo: Certamente não há temor de Deus neste lugar, e eles me matarão por causa da minha mulher. E, na verdade, é ela também minha irmã, filha de meu pai, mas não filha da minha mãe; e veio a ser minha mulher; E aconteceu que, fazendo-me Deus sair errante da casa de meu pai, eu lhe disse: Seja esta a graça que me farás em todo o lugar aonde chegarmos, dize de mim: É meu irmão. Então tomou Abimeleque ovelhas e vacas, e servos e servas, e os deu a Abraão; e restituiu-lhe Sara, sua mulher. - Gn 20: 2 a 14 (ACF)

A ordem dada por Deus no Éden é de natureza social, ou seja, direcionada para a vida humana na terra pois o plano de Deus é do homem povoar a terra e multiplicar-se sobre ela. Essa lei estende-se a crentes e a descrentes. Não existe um só ponto na Bíblia que afirme que casamento só vale para crentes e não para incrédulos. Aqueles que assumem esse compromisso social estão assumindo também uma aliança diante de Deus. Se assim não fosse, eles não seriam caracterizados como adúlteros por descumprirem um acordo divino. Este compromisso ocorre apenas aqui na terra, a todos os homens, mas no céu não haverá casamento. Dizer que casamento só vale pra crente é no mínimo tendencioso, senão imaturo e anti-bíblico.

Não erreis: nem os devassos, nem os idólatras, nem os adúlteros, nem os efeminados, nem os sodomitas, nem os ladrões, nem os avarentos, nem os bêbados, nem os maldizentes, nem os roubadores herdarão o reino de Deus. - 1Co 6:10 (ACF)

Venerado seja entre todos o matrimônio e o leito sem mácula; porém, aos que se dão à prostituição, e aos adúlteros, Deus os julgará. - Hb 13:4 (ACF)

Adúlteros e adúlteras, não sabeis vós que a amizade do mundo é inimizade contra Deus? Portanto, qualquer que quiser ser amigo do mundo constitui-se inimigo de Deus. - Tg 4:4 (ACF)
Adúltero espiritual significa infidelidade a Deus; apostasia religiosa (abandono da fé); ser falso, fingido; amizade do mundo - 'O Aviso de Deus.'

Porquanto, qualquer que, entre esta geração adúltera e pecadora, se envergonhar de mim e das minhas palavras, também o Filho do homem se envergonhará dele, quando vier na glória de seu Pai, com os santos anjos. - Mc 8:38 (ACF)

Porquanto, quando ressuscitarem dentre os mortos, nem casarão, nem se darão em casamento, mas serão como os anjos que estão nos céus. - Mc 12:25 (ACF)

3. Conclusão
HOMENS DIVORCIADOS NÃO PODEM SER ORDENADOS PASTORES, DIÁCONOS, LÍDERES, PREGADORES OU MODERADORES. DEVEM PORTANTO VIVER EM HUMILDADE NO MEIO DA CONGREGAÇÃO E SERVIREM A DEUS DA MELHOR FORMA, AUXILIANDO EM TUDO QUANTO LHE FOR POSSÍVEL, MAS SEM ASSUMIR CARGO ALGUM. (Pela Palavra, só quem tem vida irrepreensível)

Estás ligado à mulher? não busques separar-te.- 1Co 7:27 (ACF)

Devem portanto os mesmos assumirem as conseqüências de suas errôneas decisões e sofrer as conseqüências em humilde contrição. Morrendo a mulher pode então casar-se novamente e assumir um cargo, se for digno.(SÓ COM AVAL DO ALTÍSSIMO - 'O Aviso de Deus')

Porque a mulher que está sujeita ao marido, enquanto ele viver, está-lhe ligada pela lei; mas, morto o marido, está livre da lei do marido. - Rm 7:2 (ACF)

O marido pague à mulher a devida benevolência, e da mesma sorte a mulher ao marido. - 1 Co 7:3 (ACF)

Convém, pois, que o bispo seja irrepreensível, marido de uma mulher, vigilante, sóbrio, honesto, hospitaleiro, apto para ensinar; - I Tm. 3:2 (ACF)

Convocamos portanto a todos aqueles que defendem a posição de tal irmão que é causador de dissensão que, em nome do Senhor Jesus, no discernimento do Espírito Santo, pela Graça de Deus, revejam avaliem suas posições contrárias à Bíblia e se humilhem diante do Senhor.

E rogo-vos, irmãos, que noteis os que promovem dissensões e escândalos contra a doutrina que aprendestes; desviai-vos deles. - Rm 16:17 (ACF)

Porque ainda sois carnais; pois, havendo entre vós inveja, contendas e dissensões, não sois porventura carnais, e não andais segundo os homens? - 1 Co 3:3 (ACF)

Mas agora vos escrevi que não vos associeis com aquele que, dizendo-se irmão, for devasso, ou avarento, ou idólatra, ou maldizente, ou beberrão, ou roubador; com o tal nem ainda comais. - 1 Co 5:11 (ACF)

MAS o Espírito expressamente diz que nos últimos tempos apostatarão alguns da fé, dando ouvidos a espíritos enganadores, e a doutrinas de demônios; Pela hipocrisia de homens que falam mentiras, tendo cauterizada a sua própria consciência;  - 1 Tm 4:1, 2 (ACF)

Mas principalmente aqueles que segundo a carne andam em concupiscências de imundícia, e desprezam as autoridades; atrevidos, obstinados, não receando blasfemar das dignidades; - 2 Pe 2:10 (ACF)

Traidores, obstinados, orgulhosos, mais amigos dos deleites do que amigos de Deus, - 2 Tm 3:4 (ACF)

E por avareza farão de vós negócio com palavras fingidas; sobre os quais já de largo tempo não será tardia a sentença, e a sua perdição não dormita. - 2 Pe 2:3 (ACF)

Deus abençoe a todos.

Em Cristo,

Seminarista Miguel Ângelo L. Maciel
CETEBRAM – Centro de Estudos Teológicos da Amazônia 
.
Todas as citações bíblicas são da ACF (Almeida Corrigida Fiel, da SBTB). As ACF e ARC (ARC idealmente até 1894, no máximo até a edição IBB-1948, não a SBB-1995) são as únicas Bíblias impressas que o crente deve usar, pois são boas herdeiras da Bíblia da Reforma (Almeida 1681/1753), fielmente traduzida somente da Palavra de Deus infalivelmente preservada (e finalmente impressa, na Reforma, como o Textus Receptus).

                             (retorne a http://solascriptura-tt.org/ EclesiologiaEBatistas/


retorne a http:// solascriptura-tt.org/





 
Outro indicador de apostasia na igreja do SENHOR é esta evidência do "Demônio do Não tem Nada Haver" infiltrado em ministério e no corpo do rol de membros.

www.Biblias.com.br  O livro mais vendido no mundo e o mais negligenciado. Faça o vestibular de Jesus e se orgulhar de dizer que é um servo do Deus vivo.


pastormauriciocerqueira.blogspot.com  Leia-se: "O Aviso de Deus 1  Alertas sobre os dias maus que virão. Fiquemos apercebidos, examinando a Palavra.


www.solascriptura-tt.org   Defesa da Bíblia e fé, fundamentalista. Este site aponta as bíblias corrompidas e tira todas suas dúvidas. PESQUISE.


arrebatamento1.blogspot.com  Ef 5.14 Por isso diz: Desperta, tu que dormes, e levanta-te dentre os mortos, e Cristo te esclarecerá.
.





.

Postagens populares

JESUS o único caminho

A B E N Ç Ã O DO SENHOR ESTEJA SOBRE OS SINCEROS

O SENHOR te abençoe e te guarde; o SENHOR faça resplandecer o seu rosto sobre ti e tenha misericórdia de ti; o SENHOR sobre ti levante o seu rosto e te dê a paz. Nm 6.24-26

Quem sou eu

Minha foto

Meu nome: Maurício Cerqueira, sou pastor da Assembleia dos Santos (Nome dado pelo Senhor em profecia) igreja do Senhor e seus remanescentes; pela misericórdia antes de ser consagrado pelo homem, tive o privilégio de ser consagrado pelo DEUS TODO-PODEROSO. Então, vivo para a Sua obra e persevero na Palavra, é necessário, pois me foi imposta esta obrigação (Jeremias 15:16). Tenho outro grande privilégio de trabalhar só para o Altíssimo e aprender a viver no dia a dia João 5:39; 14:21; Mateus 7.21; 22.37-39; I Coríntios 7:23; 13; Salmos 37.4; Provérbios 1.7; 2; Jeremias 15.16; 29.13 e 33.03... e a ser grato ao SENHOR que me proporciona todas as condições, me sustentando de todas maneiras para se concretizar o seu querer na vida deste servo inútil que lhe pertence. A L E L U I A

Receba atualizações por email

Enter your email address:

Delivered by FeedBurner

>